Textos


VIDA NA VILA DO VENTO VADIO
 
pelas vielas
 
Na cidade pequena,
duas moças em cena.
 
Personagens opostas
num mesmo cenário.
 
brisa boa e sopro sombrio
 
A moça santinha:
     uma belezinha.

 
A moça safada:
     uma danada.

 
vilarejo viperino
 
Se a cidade é pequena,
a língua é enorme.

moça santinha:
     a bem falada.

 
A moça safada:
     a mal falada.

 
tornado
 
Santinha e safada
se tornam grandes amigas.
 
Aqui e ali,
uma com a outra.
 
Não se desgrudam.
Não se separam.
 
vento-versa
 
As fofoqueiras se juntam
e assuntam.
 
Fala a fofoca           
otimista:
     __Pelo jeito,
         a safada
         tomou jeito.

 
Fala a fofoca
pessimista:
     __Deus meu!,         
         a santinha
         se perdeu.

 
vento de valor
 
Fala, então,
a que sabe de nada.
 
Esta uma
está com as demais
porque, na cidadezinha,
não tem outras companhias,
e ela precisa de amigas
para o seu carteado,
batizado de “Baralho das Marias”. 
 
Então,
fala, então,
 a que sabe de nada:
     __Qual é a santinha
         e qual é a safada?





/-\|\||)/-\|_/-\(,)|_|||\/|




__________
#foto#
quando: 27/08/2011
onde: Tanzânia, Ruvuma, Mbinga
por: Andalaquim
Andalaquim
Enviado por Andalaquim em 17/11/2020
Alterado em 17/11/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários