Textos


INS-t-AN-t-E CRUCIAL
 
O gato preto parou de repente. Vinha pela trilha, mas pareceu ter aparecido do nada. Sensitivo, ele notou que aquele era um lugar diferente. E o era, realmente.
 
No lugar não morava uma pessoa nem outro bicho nem qualquer coisa do tipo. No lugar morava um momento. Aquele local era o abrigo de um ins-t-an-t-e crucial.
 
O lugar era uma encruzilhada para t-rês destinos: um à esquerda, um ao meio e um à direita, t-al qual a parte superior de uma cruz. À direita, um caminho arbóreo e de luz. À esquerda, uma parede de escuridão, que avizinha um poço. E à frente, ao meio, um destino desconhecido.
 
O felino tem um tom tranquilo, parecendo mais propenso à claridade, onde o seu olhar paira por um lapso. Mas, pela pelagem, está mais para o lado da escuridão, com a qual se camufla.
 
Se optar pela parede e o poço da esquerda, entrará na roda obrigatória de sete encarnações como gato preto amaldiçoador. É o lado trevoso do trevo. Se escolher o caminho da direita, será apenas um gato livre, o que é uma grande sorte. É o lado venturoso do trevo. E se optar pelo destino do meio, à sua frente, não se sabe o que o aguarda, pois ninguém tomou esse destino até hoje. É o rumo de aventura do trevo. O gato enxerga o destino do meio como um portal. E isso lhe causa receio. Atravessando-o, será que saberia viver na dúvida de qual é o lado real?





/-\|\||)/-\|_/-\(,)|_|||\/|




__________
#foto#
quando: 28/07/2018
onde: Brasil, São Paulo, Campos do Jordão, Mellos, Chácara São Geraldo
por: Andalaquim
Andalaquim
Enviado por Andalaquim em 04/04/2020
Alterado em 21/05/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários